Mostrando postagens com marcador Surfista Calhorda. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Surfista Calhorda. Mostrar todas as postagens

22 agosto, 2020

[Guest Post] Sedução do consumo - Como me defendi? (2020)/Surfista Calhorda




A sedução do consumo foi a última batalha que precisei vivenciar para me manter na caminha de acumulo de patrimônio, na verdade essa batalha está presente sempre na vida de todos, porém como eu já havia me conscientizado em relação as compras a prazo, no início da jornada esse não foi um problema para mim.

Se você está no início da jornada, corra das dívidas, mas corra mesmo, elas serão um potencializador para você comprar aquilo que não pode pagar e muitas vezes comprar coisas que nem precisa de verdade.

Pois bem, vamos trazer a discussão para minha realidade atual, alguém que está no meio da caminhada e que já tem algum patrimônio para comprar itens com um valor mais elevado.

Ponto de atenção! Eu estou falando da minha realidade e com o meu padrão de vida. Ter um custo de vida baixo ajuda muito a chegar mais rápido na IF!!!

O primeiro desafio recente que enfrentei, foi a vontade de comprar um carro que me conferisse um nível maior de status dentro da minha rede de relacionamento, trocando em miúdos, comprar aquele carro que seria comentado e admirado pelos parentes, pelos amigos e pelos invejosos.

E o segundo desafio foi a vontade comprar uma casa na praia, com o argumento que iria conferir mais conforto para minha família e me proporcionaria mais horas de surf, permitindo que eu ficasse a maioria dos finais de semana na praia.

Pois bem o primeiro desafio acho que é mais fácil de vencer, pois está atrelado apenas à vontade de aparecer, já o segundo desafio eu tive mais dificuldade, pois ele ficou atrelado a um hobbie que eu tenho em alta conta e ainda tinha a questão de conforto para a família.

Muito bom, mas como você fez para resistir a tentação surfista?

No fundo, no fundo a resposta é bem simples, eu apenas reforcei aquilo que era prioritário pra mim.

Mas para fazer isso eu fiz algumas contas e criei um gatilho, que em um certo momento, vai permitir que eu pense em alguns itens de conforto adicionais... 

E fazer essas contas foi necessário por causa da segunda sedução de consumo, a casa na praia... O carro eu consegui rebater com apenas uma pequena reflexão mental básica. 

Novamente itens de consumo podem seduzir mais uns que outros, tem gente que não resiste a um carro novo ou uma bolsa Louis Vuitton nova eu já fraquejei de maneira mais severa com a casa na praia.

Vamos direto ao ponto agora, vou explicar qual foi a estratégia que eu utilizei para postergar esses itens de conforto.

O método da recompensa planejada.

Primeiro passo:
1 - Listar todos itens de necessidade básica.
No meu caso fiz a seguinte lista (valores mensais).
  • Condomínio R$ 500,00
  • Água e Luz R$ 300,00
  • Tv a Cabo R$ 150,00
  • Internet R$ 150,00
  • Celular R$ 60,00
  • IPTU R$ 200,00
  • Alimentação R$ 800,00
  • Plano de Saúde R$ 1200,00
  • Escola das Crianças R$ 2000,00

Segundo passo:
2 - Verificar quais itens de necessidade básica* já estão cobertos com 5% do meu patrimônio.
Como meu patrimônio está próximo de 620k, considero que tenho um valor anual de R$ 31.000,00 'garantido'.
  • Condomínio R$ 500,00 (Realizado!)
  • Água e Luz R$ 300,00 (Realizado!)
  • Tv a Cabo R$ 150,00 (Realizado!)
  • Internet R$ 150,00 (Realizado!)
  • Celular R$ 60,00 (Realizado!)
  • IPTU R$ 200,00 (Realizado!)
  • Alimentação R$ 800,00 (Realizado!)
  • Plano de Saúde R$ 1200,00 (35,2% Realizado)
  • Escola das Crianças R$ 2000,00 (0% Realizado)
* Os itens de necessidade básica vão ser diferentes para cada pessoa, esses são os meus.

Terceiro passo:
3 - Calcular o valor das despesas básicas não cobertas pelo atual patrimônio.
Despesas Básicas não cobertas (Patrimônio Atual R$ 620k):
  • Plano de Saúde R$ 776,67 (65% do valor total)
  • Escola das Crianças R$ 2000,00
  • Valor anual não coberto R$ 33.320,00

Quarto passo:
4 - Calcular o patrimônio faltante para cobrir as despesas básicas
Patrimônio necessário para cobrir R$ 33.320,00 de despesas (Regra dos 5%):
  • R$ 670.000,00

Quinto passo:
5 - Calcular o patrimônio total para todas as despesas básicas
Patrimônio final para despesas básicas:
  • R$ 1.290.000,00 (620k já realizados + 670k pendentes)

Reflexão...
... Neste ponto eu já consegui me convencer que estou próximo da Independência Financeira e não faz sentido estragar o meu plano, é muito mais difícil e demorado sair do zero e chegar em 620k e é muito mais fácil sair de 620k para 1,29MM. 

Esses 5 passos me deram a seguinte informação, eu só vou adquirir/comprar mais alguma coisa na vida quando o patrimônio estiver acima do patamar para custear o básico. (O patamar de 1,29MM deve ser reajustado, pois o custo de vida aumenta com a inflação)

Agora vamos a mais um passo importante e prazeroso.
 
Sexto passo :
6 - Otimizar renda produzida pelo trabalho (afinal de contas eu continuo trabalhando).
  • Despesas Básica Mensal R$ 5.360,00
  • Itens de conforto prioritários:
    • Viagens com família R$ 25.000,00 (Anual)
    • Surf Trip R$ 10.000,00 (Anual)
  • Itens de conforto não prioritários:
    • Comprar casa na praia R$ ???
    • Comprar carro mais caro R$ ??? (Eu acho que nunca vou comprar um modelo do ano)
Enfim para atender o meu atual padrão de vida, eu preciso gerar 100k de renda por ano, assim pago as minhas necessidades básicas e sempre faço uma viagem com a família e uma surf trip anualmente e posso deixar meu patrimônio crescendo sozinho.

O que passa dos 100k anuais, eu dedico para os aportes e acumulo de patrimônio, para um dia ter a casa na praia e depois bem depois ter um carro melhor... Já acho que o carro mais caro nunca será necessário.

Com os 6 passos que descrevi acima, fica claro que o que eu fiz foi basicamente reforçar o que é prioridade pra mim e definir um momento que vou me permitir gastar um qualquer de maneira mais descompromissada. 

Sendo bem honesto, eu adorei quando cheguei no passo 6, pois perceber que você não precisa mais aportar e que já está num ponto de apenas proteger o patrimônio é gratificante... Isso tudo aliado a um colchão de segurança para 1 ano, dá uma sensação de liberdade. 

Eu perdi a vontade de parar de trabalhar, quero continuar trabalhando até o fim da vida, mas agora me sujeito muito menos a situações extremas de stress e conflito.

Conclusões:
1 - IF de despesas básicas está em R$ 1.290.000,00; 
2 - IF com itens de conforto prioritários está em R$ 2.000.000,00;

O que vocês acham mas difícil? Ir de zero a 620k ou ir de 620k até 1,29MM?

Dependendo de como eu vou chegar nos R$ 1,29MM, acredito que existem grandes chances de empurrar o gatilho para os R$ 2.00MM, afinal de contas eu deveria dar prioridade para as viagens... Mas também não é todo ruim deixar as viagens atreladas ao trabalho!!!

_______________________________________________________